sexta-feira, 9 de novembro de 2007

Um texto sobre mim próprio

Quem sou eu?
Eu chamo-me... Mas não acham que é melhor vocês adivinharem? Só têm de olhar para a fotografia... O quê? Não é suficiente? Claro, nessa fotografia eu só tinha três anos, e agora tenho trinta e nove. No próximo dezasseis de Abril vou fazer quarenta. Acham que eu sou muito velho?
Pronto, vai ser preciso eu descrever-me para vocês terem mais informação:

Eu nasci em Valhadolid, em Castela e Leão, e vim para a Estremadura espanhola há dez anos para trabalhar numa escola de ensino secundário.
Primeiro morei em Llerena, onde conheci a minha mulher e onde as minhas crianças nasceram.
Depois, mudámo-nos a Mérida, onde moramos há quatro anos.

Trabalho na Escola Secundária “Emérita Augusta” e ensino inglês.

Nos meus tempos livres, gosto de ouvir música, ler e viajar. O meu artista favorito é Tom Waits e leio romances e livros de divulgação. Se podemos sair de Mérida, costumamos visitar os nossos amigos noutras cidades, e aproveitamos para ver novos monumentos e paisagens nesses locais.

Acho que é tudo. Já sabem quem é que sou?

Texto de Óscar Luis Fernández Calvo (N.B.-2º)

2 comentários:

juanlusz disse...

Olá Óscar, tudo bem? Com que então foi em Llerena que se deram as mudanças mais frutíferas na tua vida? Claro, não podia ser doutra maneira :-)É uma das cidades mais bonitas de Espanha. Há quem diga que é, de facto, a mais bonita.
Olha, só mais uma coisa: podiam mudar o apontador que aponta, passe a redundância, para essa urbe? ;-)

boralá disse...

as mudanças mais bonitas da minha vida aconteceram em Valladolid... e nem vou entrar em detalhes LOL :')