terça-feira, 1 de abril de 2008

Escadas rolantes

Mais uma vez, a EOI de Mérida surpreende todos com as suas pioneiras inovações. Nas próximas semanas serão instaladas as primeiras escadas rolantes a funcionar num centro educativo público em Espanha. A proposta surgiu no Conselho Escolar e, depois de várias reuniões, acabou por ser aprovada. Os representantes dos alunos no Conselho consideram extremamente cansativo ter de subir e descer as escadas da escola para aceder às salas de aula do primeiro e segundo piso, estando igualmente convencidos de que as aulas teriam um maior aproveitamento se não fossem precisos tais esforços físicos, como demonstra o grau de atenção dos estudantes de italiano ou o alto nível de participação nas turmas de Juan Luis e de Elisa, nas salas situadas no rés-do-chão.

A secretária da EOI de Mérida, Mª Jesús Quiroga, apresentou no mês de Fevereiro vários orçamentos de diferentes empresas do sector que propunham diversos modelos. Dois deles foram seleccionados numa primeira reunião: o OTIS T238 e o Schindler 9300AE, sendo este último o escolhido finalmente por ter um preço mais acorde com a péssima situação financeira da nossa escola.

As opiniões na comunidade educativa estão claramente divididas. Há quem concorde com a decisão e justifique a despesa, mas há sobretudo quem, como a própria Mª Jesús Quiroga, considere que se trata de um gasto totalmente desnecessário. “A EOI de Mérida dispõe já de um elevador, não percebo a necessidade de instalar escadas rolantes; sobretudo tendo em conta que, como é sabido, daqui a dois anos a EOI vai passar a ocupar as antigas instalações da Politécnica no centro de Mérida”, declarou a jovem secretária. Mercedes Ruíz Domínguez concorda e acrescenta que o facto de partilharmos para já o edifício da escola com o IES Extremadura deveria levar a repensar a decisão. –“Os alunos do IES vão dar cabo das escadas em dois tempos, está-se mesmo a ver... eles que nem os armários das salas respeitam...”–

Mais favorável à montagem do sistema é Peter Otto, que em qualidade de chefe do Departamento de Alemão avaliou positivamente a iniciativa. “Se a T-4 de Barajas tem, por que razão não haveríamos nós de ter também?”, perguntou de forma retórica e acrescetou que à idade dele já vai custando cada vez mais subir as escadas e que tem medo de andar de elevador. Mª José Mateos apoia as escadas e não duvida das incalculáveis vantagens que da sua instalação advirão para todos. No entanto, aponta que vai ser mais um aparelho que terá de limpar, e isto já não a agrada especialmente.
O chefe de estudos, Juanma Pérez, frisa o ar de modernidade que as escadas vão decerto dar ao espaço. A partir de agora, os emeritenses poderão vir passear à EOI em vez de irem até a uns conhecidos grandes armazéns de Badajoz. Além de pouparem na gasolina, vão ver que também gastam menos nas compras, visto não haver aqui nada à venda.

Elena Marín Molano, excelsa directora da EOI de Mérida, esclareceu a curiosidade deste blogue e explicou todos os pormenores das novas escadas. Por questões de segurança terão uma inclinação de 35º e a largura dos degraus será de 800 mm, tanto no piso inferior como no superior (onde se encontra a biblioteca). O modelo 9300AE alia as qualidades de robustez necessárias num edifício que da parte da manhã é frequentado pelos alunos do IES, a um design elegante e actual. Dispõe de uma força de tracção de alta capacidade ideal para responder às necessidades do nosso centro. O reduzido atrito da roda dentada (19 dentes!) para retorno da corrente de degraus minimiza a vibração e por sua vez o desgaste. Depois de esclarecer as nossas dúvidas, a directora lamentou não ter podido contratar também três tapetes rolantes para os corredores, como era desejo do Departamento de Português. A situação financeira não permite por enquanto este investimento, mas prometeu voltar a estudar o assunto no próximo ano lectivo.

Ficamos desde já à espera dos vossos comentários...

18 comentários:

Anónimo disse...

Boas tardes, já li a noticía se é uma brincadera é boa, eu acho que a E.O.I está a brincar....

Vivemos numa sociedades com pessoas muito gordas, a doença do s.XXI
Temos fazer mais desporto¡¡¡¡¡

Até quarta¡¡¡

Mar Ramos Caballero

Anónimo disse...

Isto é una brincadeira do Zé! É muito bom subir e descer as escadas sempre! Temos de manter a nossa saúde em optimas condiçoes. O Sr. professor de português tem de se manter em forma!

É a minha opiniao.

Juan Luis ( o veterinário que costuma visitar virtualmente a EOI e as suas escadas rolantes). Olá Mar!

Até já!

P.S: Por quê é que o blogue ainda nao tem um link de segurança alimentar?? ;)

Maria Bravo disse...

Para além das escadas rolantes precisávamos de míni Carris pelos corredores! Andar até o fim do corredor é muito cansativo! Acho melhor ideia do que os tapetes rolantes, que são muito impessoais e não têm esse charme!=P

Anónimo disse...

Boas tardes

Concordo com a Mar e o Juan Luis, acho que é una brincadeira do Senhor professor de Português! Em Portugal o 1º de Abril é o dia das brincadeiras não é? Como em França! Ali chama-se "poisson d'avril", acho que em Portugal chama-se o Dia da Mentira ou o Dia dos Bobos.

Margarita Romero 2º
Não somos bobo José não caímos na trampa!!! Mas é uma brincadeira muito boa. Que imaginação tem!!!

Anónimo disse...

Isso é mesmo, Margarita! Tens boa informaçao. Mas o poisson d´avril é giro...nao achas? ;)

Hoje li no "El Mundo" que é o dia do divertimento no trabalho...e o Zé gosta das brincadeiras!

Juan Luis

coral disse...

Não conhecia o dia das mentiras em Portugal. Cá nunca mentimos! (...)
Só os "Inocentes", pobrinhos, são alvo das brincadeiras!
Parabéns J.I, Abril começou com um sorriso

Peter Otto disse...

April, April!

"Brincadeira" heißt auf Deutsch "Aprilscherz".

Que lo traduzca o Zé.

Peter

juanlusz disse...

Olá, tudo bem? Mais uma língua à mistura, enquanto esperamos pelas escadas até ao Paraíso:
em italiano, brincadeira é "scherzo". Parecido com a palavra alemã, não é ;-)
Peter, auf Deutsch gibt es "scherz" nur im April? Nur Spass!

Patricia Morales disse...

Quando li o comentário, achei que era uma brincadeira mas, como serão as aulas no futuro?
Eu acho que no ano 2100, utilizaremos escadas rolantes.

Óscar, 2º disse...

O Zé é um brincalhão. Em Inglaterra o primeiro de Abril também é um dia para brincadeiras. Eles chamam-no "April Fool's Day".
Mas a ideia das escadas era boa...

Anónimo disse...

Eu gosto muito da brincadeira de Zé Inacio, porque assim faz a vida mais agradavel e sentimo-nos melhor com nos mesmo. É uma accão muito jovial.
Solicito um aplauso para ele.

guadalupe.grande disse...

Muito bem, Zé Inacio. estiveste muito bem. Parabéns.

Anónimo disse...

Eu quase caí na armadilha e sou enganado. Eu acho que se a E.O.I. tivera escadas rolantes acabería como um centro comercial, perecido com o Corte Inglés ;-)


Luis Alberto Sánchez

Luisinha disse...

Isto agora é serio!
Cá no blog estão as testemunhas, as fotografías, temos provas da promessa e as promessas têm de ser cumpridas.
Os excelsos professores e empregados da escola é que não conhecem a força das turmas enfurecidas.
Isto já não é brincadeira, meus caros amigos, daqui a pouco tem de haver escadas rolantes na nossa escola de linguas!!!
Já liram a definição de escada rolante da wikipédia? Isso sim que parece brincadeira, recorda-me ás "instrucções para subir uma escada" de Cortázar. Estive a rir toda a noite. Se não leram não percam a oportunidade, é bom de morrer.
E não esqueçam, sempre que subirem uma escada tenham muita atenção com o pé e o pé.

Anónimo disse...

Gostei da brincadeira!, mas, tenho que dizer que eu sim acreditei nela... ao inicio da leitura. Fiquei tão furiosa pela ideia ( depois do frio que temos passado nos dias do inverno), ¡que cabeças há na escola! assim vai tudo... a cólera, queridos colegas, não deixa pensar, nubla tudo!. Só depois de ter lido umas quantas linhas mais ( e lembrar-me do que José-Ignacio tinha dito nas aulas)já mais tranquila cai na conta do que estava acontecer.
Os meus parabéns para a cabeça que teve a ideia e aos colaboradores.
Teresa

Rebeca disse...

Gostei imenso da ideia embora fosse uma brincadeira (muito estudada). totalmente jornalistico o artigo do blogue, se nao tivesse ouvido no rádio nessa mesma manha acreditaria de certo.
(peço desculpa, meu computador acordou, hoje segunda, já fatigado com os tildes).
Incrível com as fotografias dos membros da escola e tudo!

Rebeca disse...

olá a todos!
concordo com a Mar, temos de fazer algum exercício!
e já aproveito para dizer também que os invernos sao um bocadinho duros na escola sobretudo depois das nove horas.
se alguém quer aportar alguma ideia pelo próximo ano...
ou se calhar já teremos mudado de edifício?
tenho uma última pergunta, que é o que vai passar agora pelas tardes com as aulas dos institutos? tenho ouvido que nalguns vai haver aulas também de tarde. (e nao estou a brincar) onde é que vamos terminar o curso? se calhar no fabuloso jardim da escola?
é o pior das mentiras, quando estas a falar a sério, ninguém acredita...

Anónimo disse...

olá adorei toda a notícia das escadas. ri imenso, mas tem muita lógica, ou não?
Adorei o comentário dos grandes armazéns

ICIAR